• Enviar
  • Imprimir
  • Favoritos
A ciência por trás de nossos materiais

 

Pesquisas científicas permitem que a Lafarge entenda as propriedades de seus produtos com o objetivo de melhorar suas performances e desenvolver inovações ainda maiores.

 

O uso da nanotecnologia para compreender os materiais de construção

 

As equipes de pesquisa e desenvolvimento da Lafarge usam tecnologias sofisticadas para estudar a estrutura dos materiais em escala nano, que trabalha com objetos infinitamente pequenos - um nanômetro equivale a um milionésimo de milímetro.  

 

A observação por meio da escala nano nos permite:

  • estudar o que faz um material ser resistente, forte ou durável,
  • compreender suas propriedades físicas e químicas fundamentais. 

 

O estudo de materiais de construção em escala nano permite à Lafarge melhorar não apenas a performance dos seus produtos já existentes, mas também o desenvolvimento de produtos ainda mais sofisticados, oferecendo novas possibilidades para arquitetos e engenheiros.

 

Microestrutura dos materiais

"Durante muito tempo acreditamos que os materiais de construção eram homogêneos. Trabalhando em uma escala microscópica, contudo, pudemos perceber que eles são altamente complexos e extremamente heterogêneos. Hoje usamos as mais modernas tecnologias para obter informações preciosas sobre a microestrutura dos materiais. A pesquisa agora é feita em nano escala. Os desafios que se apresentam são enormes."

 

P. J. M. Monteiro, Chefe de Engenharia Estrutural, Mecânica e Materiais da Universidade da Califórnia, em Berkeley.

 

Superfluidificantes: as maravilhas do concreto fluido.

É difícil trabalhar com o concreto porque suas partículas são mutuamente atraídas em contato com a água. Sua firmeza e viscosidade inerentes são especialmente problemáticas quando se exige um acabamento de alta-qualidade.

 

Os superfluidificantes melhoram a fluidez do concreto sem adição de água. Estas moléculas separam fisicamente os grãos de cimento neutralizando suas forças de atração. Assim, o concreto permanece fluido por mais de 2 horas, facilitando seu uso e tornando-o mais resistente e durável.

 

Adição de finos para um concreto mais resistente

A água que não evapora no processo de aplicação do concreto cria porosidades, que podem causar fissuras e enfraquecer o material acabado. O empilhamento granular reduz a porosidade do concreto, melhorando a sua compactação e resistência.

 

A técnica substitui parte da água normalmente usada no concreto por grãos finos e ultrafinos, que preenchem os espaços entre os grãos maiores. O resultado é um concreto mais fluido que se torna mais compacto quando assentado. Os poros menores resistem melhor às influências climáticas (por exemplo água, ar, CO2), aumentando as características mecânicas e de durabilidade do concreto.

 

Materiais de construção ambientalmente amigáveis

A Lafarge também utiliza a pesquisa e a experimentação científicas para descobrir novas maneiras de reduzir ainda mais o uso de recursos naturais. A iniciativa da Lafarge em pesquisar sobre produtos ambientalmente amigáveis tem um duplo objetivo:

 

  • Reduzir as emissões de CO2 no processo produtivo e preservar os recursos naturais - por exemplo, aumentando a proporção de uso de matérias-primas recicladas.
  • Desenvolver produtos para construções sustentáveis - por exemplo, melhorando as propriedades de materiais como o concreto, que retém e distribui o calor em climas frios e mantém a temperatura interior fria em climas quentes.

 

Animação em Flash

Para ver a animação, faça o download do programa Flash Player

Morfologia de cristais de gesso de uma placa gypsum drywall

Morfologia de cristais de gesso de uma placa gypsum drywall

  • Enviar
  • Imprimir
  • Favoritos

A ciência por trás de nossos materiais

Compromisso com a inovação

Pesquisas científicas têm permitido verdadeiras revoluções na área de materiais de construção. A Lafarge é pioneira neste quesito e tem investido fortemente no estudo e desenvolvimento de produtos para o setor de construção civil.

LafargeHolcim. Cement, aggregates, Concrete.